Você está aqui: Página Inicial / Comunicação / Notícias / Solicitação para novo polo do Conselho Tutelar em Angra foi principal assunto da 30ª sessão ordinária

Solicitação para novo polo do Conselho Tutelar em Angra foi principal assunto da 30ª sessão ordinária

por Adriana Alves de Araujo última modificação 14/11/2019 17h02

A Câmara Municipal de Angra dos Reis realizou nesta quinta-feira (14) a 30ª sessão ordinária do segundo período legislativo. Estiveram presentes os vereadores Canindé do Social, Claudinho, Dedé da Loteria, Jane Veiga, Luciana Valverde, Titi Brasil e Zé Augusto. O principal tema da sessão girou em torno de uma indicação do presidente da Casa, vereador Claudinho, para criação de um novo polo do Conselho Tutelar.

“Parabenizo o vereador por essa indicação. Angra já está atrasada no aumento dos conselheiros. Fui secretária de Ação Social uns anos atrás, trabalhei muito junto ao Conselho e cinco conselheiros eu posso dizer que há um tempo atrás já não davam conta. Imagina agora com 203 mil habitantes. E a geografia de Angra é complicada, espalhada, sem falar nas ilhas. Com cinco conselheiros é humanamente impossível dar conta de fazerem um bom trabalho”, declarou Jane Veiga.  

“Uma vez conversando com uma pessoa do Conselho Tutelar, ele me falou que não conseguia assistir a todos porque os braços deles não alcançam todo mundo. [...] Essa Casa já aprovou a lei na legislatura passada que autoriza o município a fazer um segundo conselho tutelar. Dou os parabéns pela indicação. Já está mais do que na hora, antes a gente tinha uma realidade, agora é outra e por isso temos que ter um segundo conselho”, declarou Luciana Valverde.  

“Angra dos Reis na última estimativa do IBGE tinha 203.785 mil habitantes. Os conselheiros que vão tomar posse agora, eu parabenizo. Que possam fazer um bom trabalho. [...] Fiz essa indicação aqui, na verdade todos nós fizemos, apenas saiu no meu nome, isso foi uma deliberação de todos, não só minha. [...] A gente quer que a criação do segundo  conselho tenha validade já para essa eleição, a gente não quer que seja para a próxima eleição. Eu entendo, assim como os outros vereadores que fizeram essa proposição, que o município tem dinheiro para isso. Investir em crianças e adolescentes com certeza não é gasto, é investimento”, declarou o presidente da Casa.   

A atual conselheira reeleita para o próximo mandato como suplente, Mariazinha, também fez uma fala na tribuna defendendo a criação de um novo conselho: “Quando a gente fala na implantação de um segundo conselho tutelar em Angra dos Reis é por causa da demanda de trabalho. [...] É humanamente impossível fazer acompanhamento dos serviços que atendemos. Temos dias que no mínimo temos 18 atendimentos por dia. E existem dias com 58 atendimentos diários. [...] A gente tá lutando por isso para um melhor atendimento da comunidade, da população”, destacou a conselheira.

Saúde

Outro tema importante, desta vez relacionado à saúde no município, foi abordado pela vereadora Jane Veiga. A prefeitura da cidade está colocando à disposição da população um tomógrafo entre os dias 18 e 29 de novembro no Cais de Santa Luzia. O atendimento será feito das 8h às 17h, excetuando fins de semana e feriados. Todas as pessoas com pedido médico serão atendidas.

“A Secretaria de Saúde está trabalhando. Parabéns ao nosso governo Fernando Jordão e dizer que as pessoas aproveitem e vão pois serão atendidas da mesma forma que  serão numa clínica. É importante irem lá procurar esse atendimento”, falou a vereadora.